Homem pode ser expulso de país por ser gordo demais


Um homem que vive na Nova Zelândia está sendo ameaçado de expulsão do país por conta de seu peso. Albert Buitenhuis se mudou para o país há seis anos, e desde então já perdeu 29 kg. 

Atualmente, o chef de cozinha pesa 127 kg, e recebeu um comunicado de deportação do governo no início de maio. O homem tem um índice de massa corporal de 40, tornando-se clinicamente obeso. 

A esposa, Marthie, afirmou que o marido trabalha ao menos 40 horas por semana. Ela ainda comenta que os vistos anuais de ambos vêm sendo aprovados anualmente desde 2007. 

"Nós renovamos ano após ano e nunca houve problemas. Eles nunca mencionaram o peso de Albert ou a sua saúde, mesmo ele sendo muito pesado. Nós não cometemos nenhum crime e não fizemos nada de errado", afirmou a mulher. 

Segundo a imigração da Nova Zelândia, o IMC aceitável do candidato deve ser menor de 35. O país atualmente é o terceiro em número de obesos, e teme acúmulo de gastos na saúde por conta de doenças relacionadas a problema, como diabetes e problemas cardiovasculares.

Fonte: TecMestre

Nenhum comentário:

Postar um comentário